Digite aqui o assunto que busca

Siga-nos por e-mail

sexta-feira, 18 de janeiro de 2019

Turismo em Xi'an - uma das quatro antigas capitais da China


Resultado de imagem para xi'an china

Xian China era o centro deste vasto país, antes que esse cobiçado status fosse tomado por BeijingXian, ou Xi'an como às vezes é soletrado, já foi o início e o fim lendários da Rota da Seda , evocando imagens de caravanas desenhadas por camelos e de materiais rodopiando com cor e poeira do deserto. 

Resultado de imagem para xi'an china

Hoje, Xian China é uma cidade verdadeiramente moderna e um destino popular para compras, bares e vida noturna. Devido à sua rica história, as atrações de Xian incluem alguns dos mais importantes tesouros históricos da China, incluindo o imponente Exército de Terracota do Primeiro Imperador.


Resultado de imagem para exercito de terracota em xi'an china

Resultado de imagem para exercito de terracota em xi'an china

Qualquer tour do Xian China fará da história da cidade um centro comercial, onde poetas, monges e cortesãos se misturam a comerciantes e imperadores para comprar, vender e se divertir. Como a área mudou de mãos,foi o local das capitais de uma série de grandes dinastias. Como a história de Xian atinge todo o caminho de volta ao século XI a.C. e a dinastia Zhou, as atrações de Xian provêm de todas as idades, com a mistura antiga com o moderno. Os museus de Xian estão cheios de tesouros da nação, incluindo o Túmulo do Imperador Jingdi e os Guerreiros de Terracota de cair o queixo, bem como as Muralhas da Cidade, que são uma maravilha histórica e ainda fazem parte da movimentada cidade contemporânea. Enquanto as atrações de Beijing atraem a maioria dos turistas todos os anos, Xian não fica muito atrás.

Resultado de imagem para ruas de xi'an  

As atrações de Xian, como a Torre do Sino, de onde começam as quatro maiores ruas comerciais, demonstram essa mistura do antigo e do moderno. Há uma grande diversidade na cidade, para que os visitantes possam experimentar as delícias da culinária muçulmana na Rua Moslem, bem como a Grande Mesquita, antes de visitar o Grande Pagode do Ganso Selvagem no templo budista ou passear pelo parque temático da cultura Tang, chamado Paraíso Tang.



Resultado de imagem para Rua Moslem em xian

Fonte: destination360.com

Turismo na China mais fácil - Região Beijing-Tianjin-Hebei inicia política de trânsito sem visto por 144 horas


Os governos de Beijing, Tianjin e Hebei anunciam que, a partir do dia 28 do mês corrente, turistas estrangeiros provenientes de um conjunto de 53 países não precisarão de visto para visitas temporárias de até 144 horas.
Região Beijing-Tianjin-Hebei inicia política de trânsito sem visto por 144 horas
Os visitantes, desde de apresentem a documentação legal, poderão dar entrada e saída da China através do Aeroporto Internacional de Tianjin Binhai, Porto Local Internacional de Navios de Cruzeiro de Tianjin, Aeroporto Internacional de Beijing, Estação Ferroviária Oeste de Beijing, Aeroporto Internacional de Shijiazhuang e Porto de Qinhuangdao, permanecendo na região por um período máximo de 144 horas.
Confira a lista dos 53 países que não exigem visto:
I. Países que pertencem ao Espaço Schengen (24)
Áustria, Bélgica, República Checa, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Islândia, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Países Baixos, Polônia, Portugal, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia e Suíça.
II. Outros países europeus (15)
Rússia, Reino Unido, Irlanda, Chipre, Bulgária, Romênia, Ucrânia, Sérvia, Croácia, Bósnia Herzegovina, Montenegro, Macedônia, Albânia, Mônaco, Bielorrússia.
III. Américas (6)
Estados Unidos, Canadá, Brasil, México, Argentina, Chile.
IV. Oceânia (2)
Austrália, Nova Zelândia.
V. Ásia (6)
Coréia, Japão, Singapura, Brunei, Emirados Árabes Unidos, Catar.
Fonte: Diário do Povo Online

Beijing abre caminho para recrutamento de talentos do exterior

Candidatos estrangeiros a emprego conversam com um entrevistador em uma feira de empregos em Beijing, em 7 de abril de 2012. [Foto / CI]
BEIJING, 18 de jan - Beijing tornará mais fácil para os talentos do exterior obterem moradia e residência permanente, como forma de atrair mais experts, de acordo com a principal autoridade da capital.
A cidade vai ampliar os canais para atrair talentos globais e alimentar os esforços da cidade para estabelecer um centro de inovação científica e tecnológica, segundo um relatório entregue na segunda-feira pelo prefeito Chen Jining à segunda sessão do 15º Congresso Municipal do Povo de Beijing.
Chen disse que o governo municipal trabalhará com multinacionais para criar centros de pesquisa e desenvolvimento, incentivando universidades e faculdades a lançarem centros de inovação a apoiarem jovens empreendedores.
No ano passado, a capital formulou 20 novas políticas para melhor atender a trabalhadores qualificados e criar um ambiente favorável, incluindo a criação de uma regra de que talentos de fora podem liderar a pesquisa científica em nível nacional, simplificando seus procedimentos de entrada e saída.
Resultado de imagem para novos talentos na china
Um fundo de inovação científica e tecnológica de 30 bilhões de yuans (US $ 4,4 bilhões) foi criado em 2017 para a incubação de novas tecnologias, acrescentou ele.
Mais de 2.300 cientistas qualificados foram trazidos desde 2017, e Beijing forneceu-lhes aluguel de habitações públicas, disse Xu Qiang, diretor da Comissão Municipal de Ciência e Tecnologia de Beijing.
Para fazê-los sentir-se em casa, sete hospitais internacionais em Beijing lançaram projetos pilotos para melhorar os serviços de atendimento médico, e três escolas públicas primárias e secundárias locais aumentaram o número de matrículas para estudantes estrangeiros.
Imagem relacionada
Tan Xuxiang, diretor da Comissão de Reforma e Desenvolvimento da cidade, disse que a capital atrairá e formará um grupo de talentos científicos em relação aos principais avanços tecnológicos e desenvolvimento industrial. Jovens empreendedores com idade inferior a 30 anos também serão treinados para se tornarem profissionais capazes de estabelecer plataformas internacionais.
De acordo com o Centro para a China e a Globalização, um centro de estudos com sede em Beijing, apenas 1% dos talentos na área de Zhongguancun, em Beijing, são estrangeiros.
Entre os talentos do exterior, cerca de 70% são chineses que estudaram no estrangeiro; 30 por cento são estrangeiros.
Wang Yaohui, diretor do think tank, disse que Beijing deve acelerar seus passos para atrair talentos estrangeiros, porque essa é a única maneira pela qual a capital pode dar grandes passos em inovação.
Zhao Lei, diretor do distrito de Tongzhou e deputado do Congresso, disse que a construção do subcentro precisa também atrair mais talentos internacionais para transformar o distrito em uma comunidade internacional de alta qualidade.
Huang Dakun, gerente geral do Atlas International Group em Hong Kong e membro do Comitê de Bejing da Conferência Consultiva Política do Povo Chinês, disse estar satisfeito com a política, mas levantou algumas preocupações sobre a construção da zona.
"O movimento para atrair talentos estrangeiros é muito bom, mas o governo também se deve concentrar em como fornecer instalações completas", disse.
Fonte:  Diário do Povo Online




quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

Beijing constrói parque industrial de segurança cibernética


Beijing, 17 jan -- Beijing está construindo um parque industrial nacional de segurança cibernética para impulsionar a indústria e explorar o potencial das companhias tecnológicas nacionais.
Resultado de imagem para beijing china turismoDe acordo com o Departamento Municipal de Economia e Tecnologia de Informação de Beijing, mais de dez companhias especializadas em segurança cibernética assinaram um contrato para se instalar no parque, que tem duas seções nos distritos de Haidian e Tongzhou.
A construção do parque foi iniciada no fim de 2017. Espera-se que a produção industrial atinja os 100 bilhões de yuans (US$ 14,5 bilhões) até 2020.
"Estamos promovendo o projeto ativamente. Importantes empresas de segurança cibernética nacionais e internacionais estabelecerão escritórios no parque", aponta Jiang Guangzhi, funcionário do departamento.

Beijing (3n)
Resultado de imagem para beijing china turismo
Com o desenvolvimento das iniciativas de cidade inteligente em muitos municípios do país, a demanda da infraestrutura de segurança cibernética é alta.
"Gera muitos riscos o fato de que muitas agências e organizações estejam explorando digitalização e tecnologias da informação sem suficiente garantia de segurança", avalia Qi Xiangdong, membro do Comitê Municipal em Beijing da Conferência Consultiva Política do Povo Chinês. O comitê realiza atualmente sua sessão anual.
Beijing (3n) – Xian (2n) – Guilin (2n) – Shanghai (2n)
"Beijing é o centro das atividades políticas, culturais, dos intercâmbios internacionais e inovação tecnológica, mas também é um grande alvo para os ataques cibernéticos", alerta Qi.
Resultado de imagem para beijing china turismo
O 360 Enterprise Security Group disse que encontrou lacunas de segurança em mais de 500 mil sites em Beijing. Diariamente, mais de 9,55 milhões de vírus de computador são detectados e bloqueados para usuários de computadores.
O gasto médio mundial em segurança de tecnologias da informação é de 3,7% do gasto total em tecnologias da informação, mas a média chinesa é de apenas 1,1%, segundo Qi.
Beijing (3n) – Luoyang (3n) – Xian (2n) – Guilin (2n) – Hangzhou (2n) – Suzhou (1n) – Shanghai (2n)
Imagem relacionada
O investimento insuficiente em segurança cibernética poderia conduzir a graves consequências, indica Tong Liqiang, também membro do comitê e ex-diretor do Departamento de Informação Cibernética de Beijing.
"Ainda não existe um escudo de segurança de internet completo, mas é necessário servir o desenvolvimento da indústria de tecnologia da informação, enfrentar os desafios à segurança e cumprir a demanda pública", avalia Tong. 

Beijing (3n) – Xian (2n) – Cruzeiro (3n) – Shanghai (2n)
Fonte: Agência Xinhua

Disney Shanghai adere às celebrações do Ano Novo Lunar Chinês

Disney Shanghai adere às celebrações do Ano Novo Lunar Chinês

Disney Shanghai adere às celebrações do Ano Novo Lunar Chinês

Disney Shanghai adere às celebrações do Ano Novo Lunar Chinês Disney Shanghai adere às celebrações do Ano Novo Lunar Chinês
SHANGHAI, 17 de jan  –O resort da Disney de Shanghai está pronto para receber o Ano do Porco com uma série de eventos especiais, celebrando as tradições chinesas com os elementos da Disney.
Disney Shanghai adere às celebrações do Ano Novo Lunar Chinês Disney Shanghai adere às celebrações do Ano Novo Lunar Chinês
Ao longo de todo o período do Ano Novo Chinês, de 19 de janeiro a 19 de fevereiro, o resort terá ofertas e atividades celebrativas com base nos costumes chineses para todas as famílias, segundo a direção do resort.
Disney Shanghai adere às celebrações do Ano Novo Lunar Chinês Disney Shanghai adere às celebrações do Ano Novo Lunar Chinês
Disney Shanghai adere às celebrações do Ano Novo Lunar Chinês Disney Shanghai adere às celebrações do Ano Novo Lunar Chinês
Estes eventos especiais irão se realizar sazonalmente, incluindo espetáculos de fogo de artifício no Ano Novo Chinês de 2019, venda novos de artigos de merchandise, comidas e bebidas especiais festivas.
Disney Shanghai adere às celebrações do Ano Novo Lunar Chinês
Disney Shanghai adere às celebrações do Ano Novo Lunar Chinês
Fonte: Diário do Povo Online

Zhejiang inaugura nova autoestrada ao longo da orla costeira

Zhejiang inaugura nova autoestrada ao longo da orla costeira
Zhejiang inaugura nova autoestrada ao longo da orla costeira

Resultado de imagem para zhejiang province china

Zhejiang, 17 de jan – A autoestrada ao longo da costa entre Xiangshan e Yueqing, em Zhejiang, foi aberta à circulação no dia 16 de janeiro. Foram investidos um total de 54.3 bilhões de yuans na obra, que conta com uma extensão de 225 quilômetros.
Zhejiang inaugura nova autoestrada ao longo da orla costeira
O trecho supramencionado pertence a uma autoestrada mais abrangente, com um comprimento total de 376 km e um investimento de 100 bilhões de yuans.
Zhejiang inaugura nova autoestrada ao longo da orla costeira
Zhejiang inaugura nova autoestrada ao longo da orla costeira
Fonte: Diário do Povo Online


quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Como negociar com os chineses

Que a China está cada vez sendo mais visada quando o objetivo é realizar bons negócios, já não é bem uma novidade. 
Sendo os principais parceiros estrangeiros dos brasileiros quando o assunto é comércio, fechar um bom acordo com os chineses é praticamente um sinônimo de sucesso. 
Mas o que você pode – e deve! – fazer para aumentar suas chances de negócios com os chineses

Aumentar as Chances de Negócios com os Chineses? “Guanxi”!

Resultado de imagem para Guanxi
Guanxi” (关系) é a palavra chinesa utilizada para apontar a rede de relacionamentos entre as pessoas, baseada na confiança. Indica uma forma de demonstração de responsabilidade para com o outro; a reciprocidade entre as pessoas em suas relações, formulando, assim, uma conexão de benefícios mútuos entre ambas as partes. E, no gigante asiático, um bom “guanxi” é essencial para quem deseja aumentar as chances de negócios com os chineses.

O que Evitar? “Mianzi”!

Resultado de imagem para mianzi“Mianzi” (面子)  é uma expressão que não possui uma tradução exata para qualquer outro idioma, mas é  importantíssima na hora de se realizar negócios com os chineses. Aqui, traduziremos como “face” ou “rosto”; seria uma expressão cujo significado seria “perder a face” ou “perder o rosto”-  sendo utilizadas para fazer referência a uma situação de perda de moral, de prestígio, de respeito ou credibilidade diante de outras pessoas. Por isso, é tão importante que situações assim nunca aconteçam e que essa expressão fique bem longe de seus relacionamentos com os chineses.
Fatores que causariam a “perda de rosto” seriam: chamar a atenção para erros de uma pessoa, confrontá-la, demonstrar raiva (principalmente em público). Assim,  essas são atitudes que devem ser fortemente evitadas se você deseja aumentar suas chances de negócios com os chineses.

Encontro de Negócios com os Chineses

Chegou o momento de um encontro ou reunião de negócios com chineses? E agora, como se portar?
negocios na china

Nesse momento decisivo, algumas dicas de etiqueta e aspectos culturais chineses são essenciais para quem deseja aumentar as chances de negócios com os chineses. É preciso se atentar a determinados fatores, tendo em vista as diferenças de posturas e significados quando comparados à cultura brasileira, por exemplo. Nessas ocasiões, portanto, é muito importante que você se atente a determinadas regras.

1. Pontualidade

Primeiramente, atente-se ao local e horário de seu encontro de negócios para chegar com antecedência. É extremamente necessário que seja pontual, já que atrasos são vistos como sinal de desrespeito pela cultura chinesa. Não “perca a face” logo no início de sua reunião : se programe!

2. Cumprimento

Chegou ao local no horário combinado? Então, agora, cumprimente com um aperto de mão, evitando contatos físicos em demasia ou muito efusivos. Inclinar a cabeça um pouco à frente, representa sinal de respeito.
Resultado de imagem para como os chineses se cumprimentam

Se possível, tente realizar também um cumprimento em mandarim. O idioma oficial chinês é elaborado por cerca de 60 mil idiogramas diferentes, com uma série de conceitos e entonações que podem confundir muitos que não estão familiarizados com a língua. Para se negociar com os chineses, mesmo que não conheça o mandarim, procure pesquisar sobre expressões básicas, como um cumprimento e agradecimento. Essa atitude será vista com muita simpatia pelos chineses.
Além disso, nunca levante os dedos em riste, caso precise apontar em alguma direção, gesticule utilizando a palma da mão para cima.

3. Cartão de Visitas

Resultado de imagem para cumprimento chines
Na China, o cartão de visitas é um instrumento de trabalho que descreve quem você é.  E o momento de troca entre eles deve ser realizado de maneira muito respeitosa. Você deve entregar seu cartão com as duas mãos, com seu nome voltado à pessoa que o recebe. Da mesma forma, ao receber o cartão de outra pessoa, pegue-o também com as duas mãos, leia atentamente seu conteúdo e somente depois o guarde cuidadosamente, evitando colocá-lo nos bolsos da calça.

4. Presentes: um Costume Chinês

Na China, é bastante comum a troca de presentes em reuniões de negócios ou visitas. É uma forma de demonstrar agradecimento e interesse em estabelecer um bom “guanxi”. No caso de existir apenas um presente para um grupo com mais pessoas, atente-se para entregá-lo àquela que detém o cargo mais superior da delegação. Normalmente, os presentes recebidos não são abertos no mesmo momento, a não ser que a pessoa que o presenteou lhe solicite para fazê-lo. Mas caso esteja curioso, você pode abrir o presente após pedir permissão.
Resultado de imagem para presentear um chines
Os chineses são bastante supersticiosos, então procure evitar presentes como relógios, objetos pretos e brancos (que podem ser muito associados à morte ou a funerais), materiais que contêm ou têm o formato do número 4 (o som do 4 é muito parecido com o a palavra “morte” e por isso é visto como um número de azar), além de tesouras e objetos cortantes (que significam que você quer cortar relações com o presenteado).

Resultado de imagem para presentear um chines


Por outro lado, o
número 8 é considerado como o que traz sorte na China e os papeis de embrulhos preferidos são os nas cores vermelha e dourada. Artesanatos do país de origem e livros podem ser boas opções para se presentear seus parceiros de negócios chineses.


7. Despedidas

No momento de se despedir, é muito comum o pedido de uma foto em grupo. Prepare-se para fazer o mesmo, pois é considerado um sinal de que deseja guardar recordações do encontro. Por fim, acompanhe os empresários chineses até a saída ou veículo, virando as costas apenas quando eles já tiverem partido.
Atente-se a essas regras e costumes e com certeza você causará boas impressões a seus parceiros do gigante asiático. Seguindo essas dicas, você conseguirá aumentar os negócios com os chineses e poderá garantir uma parceria duradoura e de sucesso na China!
Fonte: chinalinktrading.com