Digite aqui o assunto que busca

Siga-nos por e-mail

segunda-feira, 13 de março de 2017

Turismo na China - Parque Beijai - Beijing

O Parque Beijai, é um jardim imperial a noroeste da Cidade Proibida. Inicialmente construído no século X, é o maior dentre os jardins chineses e contém numerosas estruturas historicamente importantes, palácios e templos. Antes do final da Dinastia Qing esta área foi ligada à Cidade Proibida, mas desde 1925 está aberta ao público.

Resultado de imagem para parque beihai pequim

O Parque tem uma área de mais de 69 hectares, com um lago que abrange mais de metade do todo o Parque. No centro do Parque está uma ilha há uma ilha chamada de Ilha Qiónghuá com o ponto mais alto de 32 metros. No Norte do Parque há uma grande piscina chamada de Piscina Taiye conectada com duas outras piscinas, chamadas de Lago Médio e Lago do Sul respectivamente.

Resultado de imagem para parque beihai pequim

Beihai significa literalmente "Mar do Norte". Também corresponde a "Mar do Central" e "Mares do Sul". O complexo de edifícios em torno de Zhongnanhai cujas casas pertencem aos líderes primordiais da China.

Resultado de imagem para parque beihai pequim

O Parque Beihai, tal como muitos dos jardins imperiais chineses, foi construído para imitar as pinturas e arquiteturas de várias regiões da China; o lago Taihu, os elaborados pavilhões e os Canais em Hangzhou e Yangzhou, as delicadas estruturas dos jardins de Suzhou e muitos mais serviram de inspiração para a concepção de inúmeros locais neste magnífico jardim imperial. As estruturas e cenários no Parque Beihai são descritas como obras de arte da jardinagem técnica que refletem o estilo e a soberba habilidade arquitetônica e riqueza da arte do Jardim Chinês Tradicional.

Resultado de imagem para parque beihai pequim

Existem vários templos budistas célebres dentro do parque, tais como o Templo Yong'an (Templo da Paz Eterna) e o Templo Chanfu.

Resultado de imagem para Templo Yong'an  Resultado de imagem para Templo Chanfu

Na margem norte, situa-se o Pavilhão dos Cinco Dragões, conjunto de cinco pavilhões que estão ligados por espirais, com pontas de beirais construídas na Dinastia Ming.

Imagem relacionada
A Muralha dos Nove-Dragões fica a norte do Pavilhão-Cinco-Dragões. Foi construída em 1756 e é uma das três muralhas de seu tipo em toda a China. É feita de vidro partido de sete-cores. Nove Dragões completos a brincar nas nuvens decoram ambos os lados da muralha.

Também na margem norte está o Quarto Jingxin (Quarto do Coração Silencioso). É um jardim dentro do parque, e abrange uma área de mais de 4000m².

A Muralha Circular (Tuancheng) tem como principal estrutura o Corredor da Luz Recebida (Chengguangdian), um espaçoso edifício com um tecto de dupla espessura feito de azulejos amarelos bordados em verde.

Fonte: Internet


Nenhum comentário:

Postar um comentário