Digite aqui o assunto que busca

Siga-nos por e-mail

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Impressões digitais de estrangeiros serão registradas quando da entrada na China


BEIJING, 9 de fev – Segundo a Lei de Administração de Saída e Entrada da República Popular da China e com a provação do Conselho de Estado, o Ministério de Segurança Pública decidiu registrar informações de identificação dos estrangeiros que entram no país, incluindo a impressão digital, a fim de reforçar a administração da saída e entrada do país, de acordo com informações publicadas no site oficial do ministério.
Segundo o ministério, em 2017, os órgãos chineses de inspeção de imigração realizarão registros de impressão digital de estrangeiros, com idades compreendidas entre os 14 e os 70 anos, nos portos de ligação ao exterior, com exceção de estrangeiros com passaportes diplomáticos ou beneficiados pela política de reciprocidade. 
Antes de ser aplicada em todo o país, a nova política entrará em vigor em apenas alguns portos, incluindo o aeroporto de Shenzhen, que iniciará a recolha de dados a partir de 10 de fevereiro. 
Fonte: Diário do Povo Online



Nenhum comentário:

Postar um comentário