Digite aqui o assunto que busca

Siga-nos por e-mail

segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Institutos Confúcio promovem iniciativa de Cinturão e Rota

Kunming, 12 dez -- Os Institutos Confúcio são importantes canais para que os países ao longo da Cinturão e Rota colaborem em cultura, comércio e economia, de acordo com participantes da XI Conferência de Institutos Confúcio concluída no domingo em Kunming, capital da Província de Yunnan, no sudoeste da China.
Institutos Confúcio promovem iniciativa de Cinturão e Rota

Os Institutos Confúcio são importantes canais para que os países ao longo da Cinturão e Rota colaborem em cultura, comércio e economia.
Mais de 2.200 diretores e representantes de 140 países e regiões participaram da conferência de dois dias deste ano, também conhecida como "Davos do setor educacional".
Os Institutos Confúcio têm fomentado enormemente os intercâmbios entre os povos e a cooperação comercial, econômica e educacional ao longo do Cinturão e Rota, e, ao mesmo tempo, promovido a cultura chinesa, concordaram os assistentes da conferência.
A Universidade de Yunnan da China e a Universidade de Dacca em Bangladesh estabelecerão um novo Instituto Confúcio para que sirva como uma plataforma para a aproximação econômica entre a China, Bangladesh, Mianmar e Índia, declarou o vice-reitor da Universidade de Dacca, Md Kamal Uddin.
Resultado de imagem para iniciativa de Cinturão e Rota
Resultado de imagem para instituto confucio na chinaOs Institutos Confúcio receberam o nome do antigo filósofo chinês Confúcio e são instituições públicas não lucrativas que ajudam os estrangeiros a compreender melhor a China por ensino do idioma e cultura chinesa em universidades estrangeiras. O primeiro desses institutos foi estabelecido em 2004.
"Os institutos Confúcio desempenharão um papel na Iniciativa do Cinturão e Rota, e promoverão os intercâmbios entre culturas diferentes", segundo o reitor da Universidade Normal de Yunan, Jiang Yongwen.
Fonte: Agência Xinhua

Nenhum comentário:

Postar um comentário