Digite aqui o assunto que busca

Siga-nos por e-mail

quinta-feira, 16 de março de 2017

TURISMO NA CHINA pelas Muralhas de Suzhou



A cidade chinesa de Suzhou, conhecida como a “Veneza do Oriente”, na província de Jiangsu, lançou um regulamento com o objetivo de preservar as muralhas da cidade, com uma história de 2500 anos.
A legislação, aberta à opinião pública até o último domingo, inclui a proibição de colagem de cartazes publicitários, e a construção de arranha-céus e estruturas industriais e comerciais nas imediações da muralha.
Especialistas serão convidados a realizar pesquisas sobre a muralha, com uma extensão de 12,5 quilômetros e reparar a alvenaria. Por sua vez, um fundo será destinado à recuperação da área circundante, de acordo com o departamento de cultura da cidade, que elaborou o regulamento.
Se for aprovado, Suzhou passará a ser a terceira cidade chinesa a introduzir regulamentos para proteger as antigas muralhas da cidade, seguindo Nanjing e Xi’an.
A muralha inclui ainda portões, rampas, e bases subterrâneas. Alguns portões estão catalogados na lista de relíquias culturais a nível nacional e provincial.
Algumas muralhas têm sido reconstruídas sendo que a prefeitura construiu um museu, onde são exibidos mapas e amostras de 19 muralhas antigas.
Embora a prefeitura se dedique à proteção e reparação das muralhas desde 2002, nenhum regulamento específico havia sido elaborado até à data.
Suzhou aloja vários jardins clássicos de estilo chinês, estando catalogados como Patrimônio Mundial da UNESCO. 
Fonte: Diário do Povo Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário