Digite aqui o assunto que busca

Siga-nos por e-mail

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Viagem a Pequim e caminhar por entre casas-pátio e hutongs

Nada melhor para mergulhar na alma de Pequim / Beijing

Resultado de imagem para hutong em pequimAs casas-pátios (siheyuan) são as moradias mais representativas de Pequim. Surgidas na dinastia Yuan (1271-1368), quando a cidade foi elevada à condição de capital, elas são onipresentes na capital, com suas vigas esculpidas, pilares pintados e pátios tranquilos que dão um toque de sutil de elegância à cidade.

Resultado de imagem para casas-patios na china

HUTONGS

Hutong Nanluoguxiang, Pequim
Hutong Nanluoguxiang, Pequim

Muitos dizem que o coração de Pequim bate nos hutongs, os característicos bairros desenvolvidos há centenas de anos e símbolo da história da cidade. De fato, desde artérias principais durante o período imperial, até condenados à extinção durante (e após) a revolução cultural, estes labirintos térreos resistem e são vitais para quem vive e visita a capital. 

Quatro hutongs que você deve conhecer

Schichahai, um hutong em paz com a natureza.

Shichahai Pequim Região

Shichahai área no coração de Pequim tornou-se um bairro da moda na capital, enquanto porém mantendo um ambiente tradicional. Os locais podem ser encontrados ao longo das margens do lago, como de costume, enquanto alguns Hutongs são abertos para agradar o Ocidente.

Shichahai na moda 

O distrito Shichahai Hutong forma uma mistura maravilhosa de hoje o antigo e o novo em uma área cosmopolita. típico hotéis, restaurantes e bares ao lado de um parque onde os moradores estão praticando tai chi ocidentais. Isto é onde a Hutong parecem beneficiar da abertura de Beijing para modernizar, mantendo o seu charme. Yandaixie Street (yandaixiejie) oferece pequenas lojas, bares e restaurantes no coração de Pequim e ainda em uma zona tranquila onde os viajantes podem finalmente relaxar um pouco. 
Melhor época para visitar: Abril, Maio, Junho, Julho, Agosto e Setembro.

Liulichang, arte e antiguidades
Esta famosa rua de cultura fica apenas um quilometro ao sul da Praça Ti-an'anmen. As lojas daqui vendem uma miscelânea de antiguidades, obras caligráficas e pinturas. Algumas dessas lojas são marcas tradicionais.
Resultado de imagem para liulichang hutong

Dongjiaominxiang, centro da diplomacia chinesa
Resultado de imagem para Dongjiaominxiang
Conhecida como Rua das Embaixadas, foi o núcleo da diplomacia chinesa durante 700 anos. Depois de Dongjiaominxiang, este hutong de 3 km de extensão é o mais longo de Pequim. Nos velhos tempos, vários edifícios ocidentais foram construídos aqui, como igrejas, embaixadas, bancos e clubes.

Nanluoguxiang, charme generoso e único
Resultado de imagem para nanluoguxiang hutong
Próximo à Cidade Proibida, Nanluoguxiang é um hutong de 800 metros de extensão. Fica no centro de uma àrea que abriga o mais bem preservado hutong típico da Grande Capital da Dinastia Yuan. De cara para este hutong norte-sul, outros outros hutongs se concectam com ele como bem ordenadas espinha de peixe. Pousadas populares tradicionais e butiques da moda vem se somar ao seu charme generoso e único. Aqui os turistas podem visitar as antigas residências de Qi Baishi e Mao Dun ou curtir os dramas encenados no teatro-estúdio do Teatro de Arte da Juventude Chinesa, jungo ao hutong.

Fonte: Revitas China Viagem / Internet

Conheça os roteiros da Chinatur, que levam você e sua família para desfrutar essas peculariedades, que só são encontradas na China.










Nenhum comentário:

Postar um comentário