Digite aqui o assunto que busca

Siga-nos por e-mail

sexta-feira, 23 de junho de 2017

Aplicação da Medicina Chinesa.


Medicina Tradicional Chinesa

A Medicina Tradicional Chinesa (MTC) também conhecida como medicina chinesa (em chinês: Zhõngyí xué, ou Zhõngao xué), é a denominação usualmente dada ao conjunto de práticas de Medicina Tradicional em uso na China, desenvolvidas ao longo dos milhares de anos da sua história.

Resultado de imagem para medicina tradicional chinesa

A Medicina Chinesa (MTC) fundamenta-se numa estrutura teórica sistemática e abrangente, de natureza filosófica. Tendo como base o reconhecimento das leis fundamentais que governam o funcionamento do organismo humano, e sua interação com o ambiente segundo os ciclos da natureza, procura aplicar esta abordagem tanto ao tratamento das doenças quanto á manutenção da saúde através de diversos métodos.

Sempre vista como tratamento alternativo e complementar a medicina alopática, a milenar Medicina Tradicional Chinesa (MTC) vem ganhando respeito e milhares de adeptos a cada dia.


yin-yang-medicina tradicional chinesa
A Medicina Tradicional Chinesa se fundamenta numa estrutura teórica sistemática e abrangente, de natureza filosófica. Ela inclui entre seus princípios o estudo da relação de yin/yang, da teoria dos cinco elementos e da teoria da energia vital do corpo – chi ou qi. Tendo como base o reconhecimento das leis fundamentais que governam o funcionamento do organismo humano e sua interação com o ambiente segundo os ciclos da natureza, procura aplicar esta compreensão tanto ao tratamento das doenças quanto à manutenção da saúde através de diversos métodos.


Cinco elementos 


Resultado de imagem para cinco elementos acupuntura

Energia vital


chi ideogramaDeram a energia universal o nome de Chi ou Qi em chinês. Qi é a energia que vem do ar e alimenta a todos os seres vivos, inclusive plantas, minerais, animais. No ser humano, além do Qi que vem do ar e respiramos, existe o Qi herdado dos nossos pais, e o Qi de tudo que comemos ou bebemos. Cada órgão humano tem um Qi diferente, que interage com os demais.
 O Qi do ar e o Qi dos alimentos se misturam e então é chamado de Qi do Fogo. É o Qi do Fogo que nos faz viver e esse Qi precisa ter qualidade, tanto do ar que respiramos quando dos alimentos que ingerimos (e a relação com os cinco elementos).
Pessoas que respiram mal ou não sabem respirar e ou comem mal produzem baixa qualidade de energia (Qi do Fogo) e assim se candidatam ao enfraquecimento e às doenças.
Fonte: Internet

Nenhum comentário:

Postar um comentário