Digite aqui o assunto que busca

Siga-nos por e-mail

sexta-feira, 9 de março de 2018

China e mais um megraprojeto da construção civil

Concluída secção principal da Ponte Zhuhai-Hong Kong-Macau

O bilionário megaprojeto, que tem duas ilhas artificiais e um túnel imerso de 6,7km de comprimento, é considerado uma das maravilhas da arquitetura moderna

Resultado de imagem para ponte que liga Hong Kong, Macau e Zhuhai

Com 55km de extensão, ponte chinesa ligará três cidades

Resultado de imagem para ponte que liga Hong Kong, Macau e Zhuhai

Zhuhai — Delta do Rio da Pérola, extremo sul da China. Do calçadão de Zhuhai, uma das três principais metrópoles da província de Guangdong, é impossível não perceber a imensa estrutura montada sobre as águas, a se perder no horizonte. Considerada uma das maravilhas da arquitetura e da engenharia modernas, a Ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau (HZMB, pela sigla em inglês) é o primeiro megaprojeto construído por três cidades sob a política “um país, dois sistemas”. Em formato de Y, ela conecta Hong Kong, no lado leste, a Zhuhai e a Macau, a oeste. Com 55km de extensão, a obra teve custo estimado em 120 bilhões de iuanes (cerca de US$ 18 bilhões) e envolveu pelo menos 20 mil operários, além de consultores internacionais.

Resultado de imagem para ponte hong kong macau zhuhai

Com duas ilhas artificiais e um túnel imerso de 6,7km de comprimento, a ponte — uma das maiores do mundo —e é considerada um dos orgulhos da gestão do presidente chinês, Xi Jinping. Tanto que uma imensa maquete foi levada para dentro da Sala de Exibições de Pequim em uma exposição sobre as façanhas de Xi. 

Resultado de imagem para ponte hong kong macau zhuhai

A obra nasceu de um plano do governo central da China de acelerar o desenvolvimento de nove cidades da província de Guangdong, além de Hong Kong e Macau. Nesse caso, os fins justificam os meios: somente Guangdong responde por 10% do Produto Interno Bruto (PIB) chinês. “É um dos projetos mais tecnicamente desafiadores na história da indústria de transportes da China, por causa dos altos padrões de design e dos requisitos de construção, ambos considerados dos mais elevados do mundo em termos de escala, de expertise exigida e de disciplinas envolvidas”, disse.

Os desafios para a obra

Condição natural
» A parte principal da ponte se sustenta sobre um terreno não muito sólido. O fundo do Rio da Pérola tem o solo macio, com uma camada entre 20m e 30m de argila. Por isso, os engenheiros precisaram ajustar o tamanho e a altura da ponte para melhor adaptá-la ao entorno natural. Os especialistas também tiveram que levar em consideração a instabilidade das águas. Ao todo, são 29,6km sobre o mar.

PonteHKZHMacau


Área de preservação ambiental

» A ponte está em áreas de proteção dos golfinhos brancos, um dos símbolos da fauna da região. Os especialistas tiveram que tomar o cuidado de não interferir nas chamadas zonas restritivas e não afetar o habitat dos mamíferos.

Resultado de imagem para desafios para a obra da ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau

Complexas condições de navegação

» A ponte atravessa o chamado Canal Lingding, que registra o tráfego de pelo menos 4 mil barcos todos os dias.

Resultado de imagem para desafios para a obra da ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau

te
Fonte: http://www.correiobraziliense.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário