Digite aqui o assunto que busca

Siga-nos por e-mail

quarta-feira, 21 de março de 2018

Turismo pela China

A imensa dimensão territorial chinesa nos leva dos manchus do nordeste aos tibetanos dos Himalaias, dos muçulmanos de Kashgar aos trabalhadores Han da faixa junto ao mar. Tanta diversidade no mais populoso país da terra faz nós, ocidentais, ficarmos ainda mais inquietados com um país complexo e cada vez mais presente em nossa vidas. Conhecer a China é dissolver preconceitos, descobrir novos e diferentes modos de vida e mergulhar em uma realidade que não nos pertence, mas que tange nossas existências. Programe seu roteiro e boa viagem!


Beijing

QUANDO IR

Prefira visitar a cidade na primavera (março a maio) ou outono (setembro a novembro), quando o clima é ameno. O inverno costuma ser rigoroso e no verão as temperaturas ficam acima dos 30⁰C.
Pontos turísticos
Entre os pontos turísticos mais visitados da capital chinesa estão a Cidade Proibida, lar dos últimos imperadores, o Templo do Céu e o Palácio de Verão, além da emblemática Praça da Paz Celestial. No entanto, nenhuma viagem à China é completa sem conhecer a Grande Muralha, verdadeiro símbolo do país. 

Cidade Proibida


Este gigantesco complexo fica localizado no coração de Beijing e abriga quase mil edifícios, jardins e pátios protegidos por muralhas vermelhas, portões e torres. Construído em plano quadrado para contrapor a forma circular do Templo do Céu, suas principais edificações ficam no eixo norte-sul. Comece a visita pelo Portal do Meridiano, chegando ao grande pátio externo que precede o Portão da Suprema Harmonia. O local ainda abriga o Trono do Dragão, de onde reinaram os imperadores.

Templo do Céu


Este é um dos mais belos monumentos arquitetônicos da cidade e foi tombado como patrimônio da humanidade pela Unesco. Está localizado em parque urbano e era utilizado para orações do imperador para atrair boas colheitas. Foi construído no século 15 e reconstruído em 1889. Nenhum prego ou parafuso foi utilizado, apenas encaixes que representam as estações do ano, os meses e as divisões do dia.

Resultado de imagem para palacio de veraoPalácio de Verão


O complexo de lagos, palácios, jardins e pontes foi construído no século 18 para que a corte imperial tivesse um refúgio de verão. Foi destruído pelas forças anglo-francesas durante a Segunda Guerra do Ópio (1856-1860) e novamente durante a Rebelião dos Boxers (1900) por representar a decadência da monarquia. As principais atrações ficam junto ao lago Kunming, como a ponte de dezessete arcos e dezenas de leões de mármore.



Praça da Paz Celestial (Tiananmen)


A principal área pública de Beijing onde fica o mausoléu do 'Grande Timoneiro', onde está o corpo embalsamado de Mao Tsé-tung; o Monumento aos Heróis (1958), em memória aos combatentes da Revolução Comunista; o Grande Hall do Povo (sede do parlamento de um partido só) e o Museu Nacional da China.


Grande Muralha da China


A principal atração da China atravessa desertos, planícies e montanhas. Sua construção foi iniciada no governo do primeiro imperador Qin Shi Huang, entre 221 e 210 a.C., como um sistema defensivo contra as tribos nômades do norte, embora nunca tenha sido efetivamente eficaz. 


Tumbas Ming


As tumbas Ming e Qing ficam em um vale cercado por montanhas. De acordo com o feng shui, essa é a localização ideal para um mausoléu, pois assim não podem ser atacados por espíritos malignos. As principais tumbas são dos imperadores da dinastia Ming Chang Ling, Zhao Ling e Ding Ling. A estrada que leva às tumbas é conhecida como Alameda dos Espíritos e tem sete quilômetros de extensão.


Shanghai

QUANDO IR
De março a abril e de setembro a novembro as temperaturas variam entre 15⁰C e 20⁰C. No inverno (dezembro e janeiro, principalmente), os termômetros ficam abaixo dos 10⁰C. Evite o período de junho a agosto, quando as temperaturas elevadas provocam chuvas intensas.

CURIOSIDADES

Shanghai está entre as cidades mais populosas do mundo. Em 2014, foram registrados 23 milhões de residentes.

Atrações


É dificil escolher por onde começar o roteiro. Aposte em um tour de compras pela Nanjing Road ou passeio de ferry boat no rio Huangpu. Conheça a vista noturna ou do pôr do sol do alto de mirantes, faça uma caminhada pelo milenar Jardim Yuyuan ou pragame-se para ir a museus e cidades próximas.

Resultado de imagem para rio huangpu em shanghai

Rio Huangpu


É pelas margens do rio Huangpu que as pessoas se direcionam em Shanghai. O rio corta a cidade e a divide em duas partes: moderna e histórica. Faça tours noturnos para conhecer a vista panorâmica das torres comerciais e dos prédios iluminados.



Compras


Explore os principais centros comerciais e descubra onde vale mais a pena encher as sacolas de acordo com o que você procura, já que além das pechinchas, também há opções de lojas modernas e tradicionais – destaque para as que vendem porcelana. Na Nanjing Road, você encontra de tudo um pouco, desde eletrônicos até antiguidades. Para encontrar lembrancinhas da sua viagem, visite a região de Tianzifang,endereço de cafés e charmosas lojas, ou a Fangbang Middle Road, com vitrines de itens divertidos, como adesivos e miniaturas, e casas de chá.

Torre Pérola do Oriente


Torre Pérola do Oriente é uma das atrações imperdíveis em Shanghai. Além de chamar a atenção por conta do formato de esfera, ela possui 460 metros de altura, tem um observatório com piso e janelas de vidro, abriga uma emocionante montanha-russa, um restaurante giratório, loja e o Museu de História de Xangai, com réplicas de cenários que contam mais de 500 anos de história.


Mirantes


O mirante da Torre Jin Mao, localizado no 88º andar, está instalado na segunda torre mais alta da cidade, com 420 metros de altura. Conheça também o Financial Center, que se manteve por décadas como o prédio mais alto da China. Nele há um andar de observação e um terraço. Para conferir a vista de tirar o fôlego, suba de elevador até os andares 97º e 100º e divirta-se!


Jardim Yuyuan


Entre as principais atrações da região conhecida como Cidade Velha está o tradicional jardim chinês Yuyuan. Com mais de 400 anos de história, o local já passou por várias reformas e é referência em tranquilidade ao mesmo tempo em que se mantém como um popular centro de compras. Caminhe pela área rodeada de construções milenares, fachadas com dragões, esculturas, pontes e belos jardins ornamentais.


Grande Teatro de Shanghai


É imperdível a visita ao Grande Teatro, considerado um dos cartões-postais da cidade. O espaço, sede da Companhia de Ópera de Shanghai, recebe apresentações de dança e de música clássica. Além da sofisticação, o local chama a atenção pela arquitetura, que mistura traços modernos com características chinesas. O teatro está instalado na famosa Praça do Povo, onde acontecem grandes eventos populares.


Beijing e vilas aquáticas


Aproveite a viagem para conhecer Beijing. O percurso de trem dura cerca de cinco horas. Mas se prefere explorar mais a região de Shanghai, inclua no roteiro visita às vilas aquáticas. A cidade de Suzhou (a 30 minutos de Shanghai) tem gôndolas que te levam para passear pelos canais e pontes. O tour é ideal para conhecer a cultural local e boa pedida para quem prefere atividades mais tranquilas.

Xi'an

QUANDO IR

De março a maio, durante a primavera, as temperaturas são agradáveis. O verão é muito quente, o outono é chuvoso e o inverno, muito frio – chega a nevar, com temperaturas próximas de 0°C. 

CURIOSIDADES

Apesar de ser mundialmente conhecida e muito visitada por conta do Mausoléu de Qin Shi Huang, quase toda a cidade só fala mandarim. 

Principais atrações


Xi'an entrou no circuito turístico mundial após a descoberta do Mausoléu de Qin Shi Huang e a construção do museu que abriga suas peças, nos anos 1970. Mas além de seu principal ponto turístico, a cidade abriga diversos templos budistas, a maior muralha militar do mundo antigo, entre outras opções de passeio. 

Mausoléu de Qin Shi Huang


Considerado Patrimônio Mundial pela Unesco, esse sítio arqueológico atrai curiosos do mundo inteiro. Dentro de um galpão gigantesco, você se depara com os famosos soldados de terracota, um exército em tamanho real formado por milhares de homens, veículos de guerra e cavalos, todos esculpidos com muitos detalhes em terracota. As peças datam mais de 2.000 anos e teriam sido colocadas junto da tumba do imperador Qin Shi Huang para protege-lo após a morte. Além desta exposição permanente, trabalhos arqueológicos continuam no local.

Muralha de Xi'an


A vida no centro histórico da cidade é cercada por altas e espessas paredes de pedra, que formam o maior, mais antigo e melhor preservado forte militar do mundo. Duas construções famosas de Xi'an também ficam lá: a Torre do Tambor e a Torre do Sino. Na parte de cima dos muros, além de torres que eram usadas para a defesa local, largas calçadas permitem que você observe a região do alto. Mas a melhor maneira de conhecer seus mais de 10 quilômetros de extensão é pedalando!

Grande e Pequena Pagoda do Ganso


Construídos há mais de 1.000 anos e considerados Patrimônios Mundiais pela Unesco, os edifícios fazem parte de complexos de templos diferentes e são dos mais famosos de Xi'an, dada sua importância histórica e arquitetônica – os prédios sobreviveram a diversos terremotos ocorridos com o passar dos anos. Sua principal função, na época, era armazenar imagens budistas trazidas da índia.

Fonte: http://www.douglastur.com.br


Nenhum comentário:

Postar um comentário